09/01/2015 | Versão para Impressão

MUHM realiza primeiro Sarau Lírico do ano

O Sarau Lírico do Museu de História da Medicina (MUHM) chega ao seu sétimo ano e nessa última quinta-feira (8) aconteceu a primeira edição de 2015.

Durante um pouco mais de uma hora, a soprano Elisa Machado, o barítono, Francis Padilha, acompanhados pelo pianista, Leandro Faber interpretaram grandes clássicos como Hai già vinta la causa (As Bodas de Fígaro), Mi tradi quell’alma ingrata (Don Giovanni) de W.A Mozart e Dunque io son (O Barbeiro de Sevlha) de G. Rossini. Mesmo em um dia chuvoso, a sala Rita Lobato esteve lotada com apreciadores do canto, como o médico Jair Ferreira, que além de exercer a Medicina também é barítono e já se apresentou em um sarau, no ano de 2010.

Para o presidente da Associação Gaúcha de Cultura Musical e Agenda Lírica e também médico Aury Hilário, um dos grandes diferenciais do Sarau Lírico do MUHM é a sua periodicidade, que permite uma fidelização do público. Ele ajuda na organização do evento desde a sua primeira edição e fala que o sarau é uma oportunidade de acesso a esse tipo de espetáculo em Porto Alegre com uma mesma qualidade que há em outras capitais do Brasil e do mundo.

O Sarau Lírico volta a acontecer no mês de março. A partir daí é realizado sempre na primeira quinta-feira do mês, às 18h30, na sala Rita Lobato, na própria sede do MUHM (Av. Independência, nº 270).

Compartilhe: