08/07/2013 | Versão para Impressão

Sarau Lírico de junho no Museu de História da Medicina

No próximo dia 06 acontece a edição de junho do Sarau Lírico do Museu de História da Medicina (av. Independência, 270). A atividade integra o projeto Quintas no MUHM e acontece sempre na primeira quinta-feira de cada mês, às 18h30min, na Sala Rita Lobato. A entrada é franca e sugere-se a doação de materiais de higiene para a campanha Saúde Criança. O programa estará a cargo da soprano Adriana de Almeida, do tenor Jean Marcel de Lima e do pianista Leandro Faber. A coordenação dos saraus é do médico Aury Hilário, diretor-presidente da Associação Gaúcha de Cultura Musical e Agenda Lírica, com apoio do Sindicato Médico do Rio Grande do Sul, mantenedor do museu. O Sarau Lírico também integra o projeto nacional Música no Museu (www.musicanomuseu.com.br).

Campanha
O Sarau Lírico têm entrada gratuita e o MUHM convida a participar da campanha Saúde Criança contribuindo com itens de higiene - sabonetes, fraldas, entre outros - ou leite em pó. A associação encaminha ao Hospital da Criança Conceição. 

Programa
Vissi d’arte – Tosca – G. Puccini
Non piangere Liù – Turandot – G. Puccini
La mamma morta – Andrea Chernier – U. Giordano
In mia mano al fin tu sei – Norma – V. Bellini
Granada – A. Lara
De España Vengo – El Niño Judio – Pablo Luna
Te quiero – El Trust de los Tenorios – J. Serrano
El dia que me quieras – A. Le Pera /C. Gardel
Il Mondo – Jimmy Fontana
Brindisi – La Traviata – G. Verdi

Foto
Foto: ADRIANA DE ALMEIDA – Soprano – Teve como mestre e orientador de sua carreira, tanto como cantora quanto como administradora cultural, o Maestro Frederico Gerling Junior. No gênero lírico tem interpretado os principais papéis para sua voz das óperas: Rigoletto, Fausto, O Barbeiro de Sevilha, A Flauta Mágica, La Traviata, O Morcego, L’Elisir D’Amore, O Guarani, A Viúva Alegre, Carmen, La Bohème, Carmela, I Pagliacci , Il Trovatore e Aída.  Atuou sob a regência de Michael Tilson Thomas, Christofer Eichenbach, Paul Sperry, Irma Vallecilo e Davi Machado. Dentre as principais obras do repertório sinfônico e de oratórios destaca: Requiem (Verdi); Requiem, Missa da Coroação, Exultate Jubilate e Vesperae Solemnes de Confessore (Mozart), Dixit Dominus (Vivaldi), Stabat Mater (Rossini), Stabat Mater, Missa Breve e Dois Poemas ao Sol (Gerling Jr.), Missa Theresien (Haydn), O Messias (Händel); Carmina Burana (Orff), IX Sinfonia (Beethoven), Sinfonia N.º2 (Mendelssohn) entre outras. Possui diversos CD’s gravados, destacando: Ópera Carmella, de A. Vianna; Obra para Canto e Piano de A. Vianna (Prêmio Açorianos 1994); Série Concertos Comunitários Zaffari; Cantata Rei dos Reis, de F. Gerling Junior, Oratório de Natal de Saint-Säens e CD Canções Brasileiras. Atualmente faz aperfeiçoamento em canto com o Prof. Pedro Gória. Há 25 anos desenvolve intensa atividade na produção artística e cultural do Estado, destacando a série Concerto Comunitários, numa parceria da Cia. Zaffari e PUCRS.
Foto: JEAN MARCEL DE LIMA – Tenor – Advogado, natural de Porto Alegre, integrou o Coral da PUCRS desde 1999, e participando ativamente desde então das montagens operísticas e sinfônicas produzidas pelo Instituto de Cultura Musical da PUCRS - ICM, destacando-se as óperas Fausto, La Traviata, O Guarani, I Pagliacci, A Viúva Alegre e Il Trovatore, Aída e Carmen. Iniciou sua vida musical no ensino médio no Colégio Champagnat, durante o ano de 1995, em Porto Alegre, onde, sob os auspícios da Profª Glória Gabriel fundou o coral daquela escola e iniciou seus estudos de canto. Em 1998 participou dos corais da Associação Médica do RS (AMRIGS) e da Assembleia Legislativa do Estado do RS, sob orientação do Prof. Pedro Spohr. Estudou canto com o Maestro Frederico Gerling Júnior. Fez sua estreia como solista em 2004, interpretando junto à PUCRS o personagem Visconde Cascada, na produção da opereta A Viúva Alegre, sob a regência de Frederico Gerling Júnior e direção de Décio Antunes. Em 2005 participou como solista da ópera I Pagliacci (Camponês); em 2009 na ópera Il Trovatore (Ruiz) e em 2010 na ópera Aída (Mensageiro).

 



Compartilhe: